Lei 3.572 - 31/05/2001

Início  Anterior  Próxima

 

          Lei nº 3572/2001                  Data da    31/05/2001

                                            Lei

 

         Texto da Lei   [ Em Vigor ]

 

         LEI Nº 3572, DE 31 DE MAIO DE 2001.

 

                          DISPÕE SOBRE O RESGATE PELO ESTADO DO RIO DE

                          JANEIRO,  DE  OBRIGAÇÕES  DA  COMPANHIA  DO

                          METROPOLITANO DO RIO DE JANEIRO - METRÔ,

                          ORIUNDAS  DE  RELAÇÕES  TRABALHISTAS  OU  DE

                          CONTRATOS   ADMINISTRATIVOS   E   DÁ   OUTRAS

                          PROVIDÊNCIAS

 

                O Governador do Estado do Rio de Janeiro,

                Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do

        Rio de Janeiro decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

                Art. 1º - Fica o Poder Executivo, observado o disposto

        nos incisos II e VIII do art. 211 da Constituição Estadual,

        autorizado  a  resgatar  as  obrigações  da  Companhia  do

        Metropolitano do Rio de Janeiro – METRÔ, constituídas até 31

        de dezembro de 1998 e não prescritas em favor do Estado, que

        decorram de relações trabalhistas ou do cumprimento estrito de

        contratos  administrativos  firmados  especificamente  para

        execução de obras de construção e aparelhamento das vias e

        instalações operacionais do metropolitano da Cidade do Rio de

        Janeiro.

 

                Art. 2º - Para os fins do artigo anterior, deverá o

         Poder  Executivo  renegociar  as  dividas  decorrentes  dos

         contratos administrativos a que alude esta Lei, inclusive

         mediante transação judicial ou extrajudicial, no sentido de

         reduzirem-se ou abolirem-se efeitos da atualização monetária

         e encargos contratuais.

 

                Art. 3º - Poderá, ainda, o Poder Executivo conceder

         compensação de débitos tributários, desde que não oriundos de

         infração fiscal, com créditos líquidos, certos e confessados

         pelo  Estado,  decorrentes  das  renegociações  previstas  no

         artigo precedente, inclusive a cessionários desses créditos,

         societariamente  relacionados  ou  não  com  os  titulares

         originais dos mesmos créditos.

 

                Art.  4º  -  O  Poder  Executivo  expedirá  os  atos

         regulamentares necessários ao integral cumprimento desta Lei.

 

                Art. 5º - As despesas decorrentes desta Lei correrão à

         conta das dotações orçamentárias próprias, existentes ou que

         venham a incluir-se nos orçamentos plurianuais e anuais do

         Estado.

 

                Art. 6º - Está Lei entra em vigor na data de sua

         publicação, revogadas as disposições em contrário.

 

                          Rio de Janeiro, 28 de maio de 2001.

 

 

                                   ANTHONY GAROTINHO

                                      Governador

 

         Ficha Técnica

 

         Projeto de   2253/2001                Mensagem  20/2001

         Lei nº                                nº

         Autoria      PODER EXECUTIVO

         Data de       05/06/2001              Data

         publicação                            Publ.

                                               partes

                                               vetadas

         Assunto:

         Passivo Trabalhista, Metrô

 

         Tipo de      

         Revogação        Tácita                        Em Vigor

                           Expressa                      Suspenso

 

 

         Texto da Revogação :

 

 

         Redação Texto Anterior

 

 

         Texto da Regulamentação

 

 

         Atalho para outros documentos